Evento da CNH enfoca diversidade e sustentabilidade


Evento da CNH enfoca diversidade e sustentabilidade

Em sua segunda edição, Inovation Day mostrou como a inovação nos segmentos agrícolas, de construção, transporte e energia ajudam na melhoria da eficiência, produtividade e inclusão

Você sabia que já é possível controlar ervas daninhas nas lavouras com choques elétricos, evitando ou reduzindo a aplicação de agrotóxicos?

Esta foi uma das informações apresentadas no Inovation Day, realizado dia 26 de setembro na planta da CNH Industrial em Curitiba, durante a palestra do diretor de Tecnologias Digitais da CNH Industrial para a América do Sul, Gregory Riordan, que tratava de conectividade na agricultura.

Inovação voltada para a melhoria da experiência do cliente, criando valor nos processos, produtos e nas soluções que são entregues. Inovação em conformidade com os desafios de produção, consumo e modo de vida do futuro que geram boas práticas, competitividade, pioneirismo e valor agregado.

O Innovation Day faz parte de uma série de ações desenvolvidas para estimular o interesse dos colaboradores por ações que os permitam colocar em prática sua criatividade, o que gera novas ideias e negócios, e expandir a “cultura” de inovação dentro da corporação. O evento envolve um público além dos colaboradores da CNH Industrial. Nesta segunda edição, o Innovation Day reuniu funcionários, acadêmicos, parceiros, fornecedores e jornalistas, que acompanharam as palestras e atrações.

Durante a ação, os líderes de inovação da companhia contaram como as novas tecnologias são desenvolvidas, conduzidas e aplicadas. Os engenheiros responsáveis por cada marca apresentaram as tendências para cada segmento, citando exemplos de produtos com tecnologias implementadas que melhoram a experiência do cliente, contribuem para a sustentabilidade e levam a inovação para o setor de energia, transporte, construção e agrícola.

“Penso inovação como uma jornada. É algo que deve ser construído diariamente. Queremos ter continuamente um ambiente de inovação onde a colaboração e a cooperação interna são mais importantes que a competição”, afirma Vilmar Fistarol, presidente da CNH Industrial para a América do Sul. “Estamos trabalhando com métodos, disciplina, benchmarking, treinamento e muito foco em um novo jeito de fazer negócios, um novo olhar para a atividade produtiva e empresarial”, completa.

Para o diretor de desenvolvimento de produto e engenharia agrícola da CNH Industrial para a América do Sul, Sergio Soares, o Innovation Day é uma oportunidade de compartilhar ideias, trabalhar de forma colaborativa e aberta. “Com foco em produtividade, eficiência e sustentabilidade, buscamos sempre estudar o cenário, entender as necessidades, identificar as tendências, assumir os riscos e relacionar com os clientes”, afirma.

Em todas as apresentações, a inovação foi relacionada à sustentabilidade. Para a CNH Industrial, inovação é uma ferramenta fundamental para o mundo e o futuro sustentável que almejamos. Os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU pautam a nossa estratégia de negócio e direcionam nossos esforços e investimentos. A inovação, por sua vez, nos permite atualizar e reinventar processos, produtos e serviços, alinhados com os ODS, com as tendências de mercado e com a nossa constante busca pela melhoria da experiência do cliente.

Telma Cracco, vice-presidente de recursos humanos da CNH Industrial para a América do Sul, reforçou o compromisso da empresa de trabalhar nas demandas globais na visão da nova economia, que exige diversidade e troca entre todas as áreas, visando oferecer não somente produtos, mas, também, soluções para os clientes. “A CNH Industrial acredita que integrar novas tecnologias e ideias inovadoras criam um ambiente de transformação, e priorizar a diversidade e a inclusão é o estímulo para a criação de soluções disruptivas”, assegura.

“A inovação no segmento de construção se reflete na conectividade dos equipamentos, eficiência operacional e acessibilidade”, revelou Humberto Lopes, diretor de desenvolvimento de produto e engenharia para equipamentos de construção. Sempre de olho na melhoria da experiência do cliente, os equipamentos de construção da CNH Industrial recebem constantes investimentos para a oferta de máquinas mais produtivas, econômicas e sustentáveis. Nesse segmento, estamos representados no mercado pelas marcas CASE Construction Equipment e New Holland Construction.

O setor de transporte também apresentou novas tecnologias focadas na experiência do cliente e sustentabilidade. “Buscamos inovação no que diz respeito a novas soluções para o transporte de cargas e pessoas, tendo como pilares a digitalização, automação, oferta de novos serviços e propulsão alternativas tais como aquelas baseadas em biocombustíveis e eletrificação”, relatou Darwin Viegas, diretor de Desenvolvimento de Produto e Engenharia do Negócio de Transportes da CNH Industrial.

Já a IVECO, marca da empresa dedicada a produção de veículos comerciais (caminhões e ônibus), mostrou como trabalha a combinação de eficiência e simplicidade nas rodovias por meio de digitalização, automação e servitização. A marca também apresentou suas ações inovadoras de gerenciamento energético, apresentando veículos mais econômicos e veículos híbridos, sempre de olho no aumento da produtividade e competitividade para o cliente e na contribuição para a sustentabilidade.

A FPT Industrial, líder mundial em sistemas de powertrain, fabricando motores, eixos e transmissões para veículos e máquinas, além de geradores de energia, representa a CNH Industrial no segmento de motores. A marca apresentou a inovadora possibilidade de se usar o hidrogênio para produção de energia. “Ele pode ser produzido a partir de fontes de energia renováveis como a eólica e a solar. É inegável que o futuro desse segmento, com reflexo em todos os demais, se resume em eficiência energética, com alto rendimento e baixas emissões de gases poluentes”, apontou o diretor de desenvolvimento de produto e engenharia de motores e energia da CNH Industrial, Alexandre Xavier.

“A inovação no segmento agrícola se reflete na automação visando a autonomia das máquinas, conectividade dos equipamentos com possibilidade de monitoramento remoto, aplicação de agricultura de precisão e gestão de frota e foco em sustentabilidade e acessibilidade”, segundo Sergio Soares. As marcas agrícolas da CNH Industrial, Case IH e New Holland Agriculture, mostraram que as novas tecnologias desenvolvidas proporcionam mais autonomia aos clientes, possibilitando a tomada de decisões com base em análises de dados. Isso é reflexo de um trabalho que antecipa as necessidades dos clientes e foca na melhoria de suas experiências.

 

O post Evento da CNH enfoca diversidade e sustentabilidade apareceu primeiro em Revista Carga Pesada.

Source: Carga Pesada

Leave a comment